Confrontos entre Grêmio e Flamengo



O confronto entre Grêmio e Flamengo vem desde 1967, em jogos válidos pelo campeonato brasileiro levando-se em conta a unificação dos torneios.

O Grêmio leva vantagem!

Contando com a vitória este ano, no Maracanã por 1x0, válido pelo primeiro turno do Brasileirão 2014, o tricolor gaúcho tem 22 vitória, contra 16 vitórias do rubro-negro carioca. Houve 19 empates. O Grêmio marcou 72 gols, e o Flamengo 60.

A partir de 1989 iniciou-se a Copa do Brasil, e já na primeira disputa entre ambas as equipes, dois resultados positivos para o tricolor. 2x2 no Rio de Janeiro e a maior goleada até agora neste confronto, e aconteceu no Estádio Olímpico, em uma tarde de sábado: Grêmio 6x1 Flamengo.

No total, pela Copa do Brasil, foram 12 jogos. Mas neste torneio o Grêmio tem leve desvantagem, apesar de ter sido campeão, em 1997, dentro do Maracanã lotado, ao empatar a partida por 2x2. Pela Copa do Brasil o Grêmio venceu 3 confrontos, empataram 5 confrontos e o Flamengo saiu vencedor em 4 oportunidades.

Os dois também mediram forças no principal torneio sul-americano, a Taça Libertadores da América. A vantagem agora é do Grêmio, com 2 vitórias contra 1 vitória do Flamengo. Houve 2 empates. A curiosidade fica por conta da participação de ambas as equipes na Taça Libertadores de 1984. Na fase semi final ambos terminaram com o mesmo número de pontos. Então houve uma partida extra, realizada no estádio do Pacaembu, em São Paulo. A partida terminou empatada 0x0, e como tinha saldo superior, o Grêmio se classificou para a grande final contra a equipe do Independiente, da Argentina.

Somando-se todos os embates, o saldo é positivo para o Grêmio: 27 vitórias e 101 gols, contra 21 vitórias do Flamengo e 82 gols. Houve 26 empates.
Separei alguns vídeos históricos. O primeiro é a goleada de 5x1 para o Flamengo, no Maracanã pelo campeonato Brasileiro de 1976. O segundo o troco gaúcho, 5x1 no Olímpico, pelo campeonato Brasileiro de 1978.

O terceiro é um lance, o mais polêmico de toda a história deste confronto. Na final do Brasileirão de 1982, na segunda partida em Porto Alegre, o resultado final foi 0x0, o que forçou um terceiro jogo também em Porto Alegre. Mas um lance, aos 10 minutos do segundo tempo, poderia ter mudado a história daquele campeonato. Após escanteio, a bola chutada pelo ataque gremista cruza a linha de gol, e como se não bastasse, o zagueiro Andrade, do Flamengo, dá um soco na bola, tirando-a para fora. O juiz, Oscar Scolfaro, não deu nem o gol e muito menos o penalti. 

O quarto vídeo é um verdadeiro chocolate. A maior goleada entre ambas as equipes, em uma tarde inspiradora de dois jogadores do Grêmio: Paulo Egídio e Assis Moreira. O Grêmio triturou o Flamengo por 6x1, jogo válido pela semi-final da primeira Copa do Brasil.

O quinto vídeo é o troco do Grêmio, para aquele campeonato de 1982. Em pleno Maracanã lotado, o Grêmio empatou, com gol de Carlos Miguel, no final do jogo, fechando o placar em 2x2, e assim sagrou-se tricampeão da Copa do Brasil.

E o sexto vídeo é a vitória de 4x2, pelo Brasileirão de 2011, quando Ronaldinho nem viu a cor da bola depois que o Grêmio, perdendo por 2x0, virou o jogo. Dois de André Lima, um de Douglas e um de Mirales. 

















Comentários

Postagens mais visitadas