Grêmio 1x1 Vitória - 23ª Rodada - Brasileirão 2009 - 05.06.09



Neste sábado o Grêmio apenas empatou em 1x1 contra o Vitória em Porto Alegre. Assim o tricolor gaúcho está há um ano sem perder em casa, e é a maior invencibilidade no Brasil no momento. Mas esse fato apenas serviu para amenizar a péssima apresentação do time nesta noite.

Os problemas começaram antes do início do jogo, quando Tcheco foi confirmado na reserva, e Douglas Costa como titular. Este problema tem vários fatores, mas desconsiderando as críticas vindas do torcedor comum, vamos ao fator principal: Autuori quis ver como o time jogaria com Douglas Costa, que é mais rápido que Tcheco, e mais habilidoso. A resposta o técnico já tem, pois Tcheco não pode dar lugar ao Douglas, e porque? Tcheco é o homem da armação, mas não apenas isso, ele cadencia o jogo, organiza o time e dá combate tanto no meio-campo como na zaga, coisa que nenhum outro meio-campista fáz.

Falando sobre o time o que se pode dizer que foi um desastre total. Na verdade não foi total, pois o único jogador que foi bem o jogo inteiro, que desarmou muito, deu cobertura, acertou quase todos os passes e não cometeu um único erro se quer na zaga foi Mário Fernandez. Hoje Adilson, Túlio, Réver e Souza estávam irreconhecíveis. Adílson e Souza piores ainda. O jovem volante mostra muita vontade, mas péssima qualidade com a bola nos pés, e vem de outros jogos já. Souza mostrou mais uma vez que ele geralmente joga para ele próprio, e quando perde a bola não volta na marcação.

Falar de Marcelo Grohe não mudará o fato de que ele sempre será reserva, e pior, o Grêmio precisa encontrar um outro reserva, pois Marcelo não transmite segurança alguma. Hoje falhou terrívelmente no gol.

Agora é trabalhar para vencer o jogo contra o Náutico, em Recife. Porém mesmo que vença, acredito que o Grêmio está mesmo se preparando para o ano que vem. Com a chegada de Lúcio e Rochemback, o time tem a tendência de crescer muito, apesar dos dois ainda não mostrarem a diferença. Mostrarão, com o tempo


















GRÊMIO 1 X 1 VITÓRIA

Grêmio
Marcelo Grohe; Túlio (Joílson), Mário Fernandes, Réver e Lúcio; Adilson, Fábio Rochemback, Douglas Costa (Tcheco) e Souza; Jonas e Perea (Herrera)
Técnico: Paulo Autuori

Vitória
Viáfara; Apodi, Fábio Ferreira, Wallace, Robinho; Uelliton, Vanderson, Magal, Leandro Domingues (Marco Aurélio); Neto Berola (Jackson) e Roger (Carlos Alberto)
Técnico: Vágner Mancini

Data: 5/9/2009 (sábado)
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Público: 20.901 pessoas
Renda: R$360.641,00
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago (Fifa/MG) e Carlos Berkenbrock (Fifa/SC)
Cartões amarelos: Uelliton, Magal, Robinho, Wallace, Vanderson (Vitória); Lúcio, Herrera (Grêmio)
Cartão vermelho: Magal (Vitória)
Gols: Neto Berola, aos 41min do primeiro tempo. Jonas, aos 41min do segundo tempo

Comentários

Postagens mais visitadas