Cruzeiro 1x2 Estudiantes - Final Libertadores 2009



E não é que o Estudiantes foi ao Mineirão e venceu o Cruzeiro por 2x1 e de virada? Sim, mas ao contrário de muitos eu não fiquei surpreso com o resultado. Mas porque não fiquei? Porque o Cruzeiro não tinha esse time todo que a mídia tentou mostrar, assim como o Internacional não tinha quando enfrentou o Corinthians na final da Copa do Brasil.

Contra o Grêmio já deu para ver todas as falhas gritantes do Cruzeiro. Um time sem zaga, sem garra e com sérios problemas de disciplina. Ao contrário do que o Galvão Bueno viu na televisão, eu vi os jogadores cruzeirenses muito desleais, tanto neste jogo como nos dois jogos contra o Grêmio.

A sorte que o Cruzeiro teve no confronto contra o tricolor gaúcho foi de que nosso ataque era uma piada. Eu digo era porque parece que reaprenderam a mandar a bola para as redes.

No primeior jogo da semi-final no Mineirão o Grêmio dominou plenamente o jogo, mas como cansou de errar gols, acabou sendo penalizado. Em Porto Alegre o mesmo aconteceu, e pior, o Cruzeiro apenas fez dois gols e nada mais, o Grêmio dominou a partida inteira, mas nada da bola entrar. Queria eu que o arbitro não tivesse sido o Oscar Ruiz, e sim o Chandia, que deixa o jogo correr.

Mas o que aconteceu hoje no Mineirão foi a justiça plena. O Estudiantes sempre foi mais time que o Cruzeiro nos dois jogos. E mesmo estando atrás do placar os argentinos voltaram com tudo para o ataque e decidiram o jogo.

Quem sabe agora a arrogancia de Kleber, do Zeze Perrela e de toda a mídia que já colocava o Cruzeiro no mundial de clubes, dê lugar a vergonha de terem falado tanta besteira.

Parabéns Estudiantes, foram verdadeiros leões hoje a noite. E que este jogo sirva de lição para todos de que não tá morto quem peleia. Quem sabe este entusiasmo todo demonstrado pelos jogadores do Estudiantes possam refletir também em nosso jogadores.




Comentários

Postagens mais visitadas