Grêmio 0x0 Universidade do Chile - Libertadores 2009 - 25.02.09



Nesta noite no estádio Olímpico, o Grêmio apenas empatou em 0x0 com o Universidade do Chile. Apesar do resultado, quem assistiu ao jogo viu o Grêmio perder ao menos 13 gols, destes a metade gols feitos! Foi um verdadeiro massacre contra a zaga chilena, porém a falta de pontaria, e também diria de sorte, decretaram o resultado final.



Jogando no 3-5-2, com Alex Mineiro e Jonas no ataque, o Grêmio iniciou o jogo de maneira fulminante, elétrica. Tanto que aos 15 minutos de jogo o Grêmio já tinha perdido uns 3 gols feitos!

Souza, Tcheco, Jadilson e Ruy abriam o jogo pelas laterais. Lançamentos, passes e cruzamentos não paravam. Adilson, como volante mais recuado, fazia uma partida perfeita. Mas a bola insistia em não entrar.



No segundo tempo o jogo não mudou. A Universidade do Chile recuou mais ainda o time, saindo um atacante e entrando um zagueiro. Aos 28 minutos um zagueiro da Uni foi expulso, e Roth tirou um zagueiro, Leo, e colocou Douglas Costa. No finalzinho do jogo, Roth ousou mais ainda, tirou Rever e colocou Reinando. O Grêmio terminou o jogo com apenas 1 zagueiro. Mas a bola não entrava.

Victor assistiu o jogo, nada precisou fazer. Jonas jogou muito de costas para os zagueiros e Alex Mineiro não teve sorte nas finalizações.

Mas se analisarmos friamente a partida, uma das conclusões que chegamos é que falta treinamento específico para alguns setores do time. O ataque precisa urgentemente treinar finalizações. Alguns chutes contra a meta do arqueiro chileno demonstraram falta de força e direção. Os atacantes olhavam a bola, e não o gol. Isso Roth pode mudar já esta semana, treinando mais as finalizações.



De resto basta apenas lamentar a falta de sorte do time, e torcer para que os ajustes não demorem para serem feitos. Os próximos dois jogos serão na Colômbia, e lá o Grêmio nunca venceu. Está na hora deste tabu acabar. Uma vitória e um empate na Colômbia serão muito bem vindos.

A Libertadores está apenas começando. E nas duas edições que saimos campeões não vencemos na estréia. Em 83 ficamos no 1x1 com o Flamengo em pleno Olímpico lotado e em 95 perdemos em São Paulo para o Palmeiras por 3x2. Pode ser um prelúdio de uma festa gremista em junho.





Fotos ClicRBS




























Fotos Placar

























Ficha do jogo:

Grêmio: Victor; Léo (Duglas Costa), Réver e Rafael Marques (Fábio Santos); Ruy, Adilson, Tcheco, Souza e Jadílson (Reinaldo); Jonas e Alex Mineiro. Técnico: Celso Roth.

Universidade do Chile:Pinto, González, Rivera e Olarra; Díaz, Iturra (Contreras), Seymour, Angel Rojas (Cuevas), Hernández e José Rojas; Olivera. Técnico: Sergio Markarián.

Copa Libertadores - Grupo 7 - 25/02/2009.
Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS).
Horário: 22h.
Arbitragem: Martín Vázquez, com Carlos Pastorino e Miguel Nievas (trio do Uruguai).
Cartões amarelos: Alex Mineiro, Ruy e Rafael Marques (Grêmio); Iturra, Algel Rojas e Díaz (Universidad do Chile).
Cartão vermelho: Angel Rojas (Universidad de Chile).
Público total: 33.431.
Renda: R$ 638.572,00.

Comentários

Postagens mais visitadas